Solidariedade

A independência é um conceito muito relativo nos dias de hoje. Você sempre dependerá de outro alguém. Porque para ter sua comida, depende de quem produz, quem transporta e quem te vende, e para ter sua água depende de quem canaliza, de quem trata, quem distribui e por aí vai. Isso sem tocar nos assuntos que certamente seriam considerados supérfluos – mas que muitos de nós não viveríamos sem.
Essa ideia de corrente chamada de solidariedade. A solidariedade que falo até agora é a capitalista, remuneirada. Afinal, você não paga os tostões que paga mensalmente apenas por gentileza à Sabesp, correto? Mas penso eu que essa solidariedade é transferível para outras áreas. E que se a comida e a água são necessárias para a sobrevivência, a troca de favores entre pessoas é necessária para a felicidade e para o funcionamento da sociedade.
Ao ajudar seu vizinho com a mudança, você não está simplesmente carregando móveis. Neste ato hipotético, acaba por estabelecer duas coisas. Primeira, que certos atos gentis ainda existem. E segunda, que seu vizinho terá alguém para pedir ajuda quando precisar, da mesma forma que você irá pedir a ele caso seja necessário.
Essa ligação existe em todo tipo de situação, e acontece a todos a chance de ajudar ou não outra pessoa, pelo menos uma vez ao dia.
Sendo solidário, você alimenta a sociedade, e só tem a ganhar com isso. Não podemos todos ser altruístas, eu concordo, e nem sê-lo o tempo inteiro. Mas pense nisso como algo para benefício próprio, além de todos os bens a longo prazo e a felicidade geral da nação. Ajudando alguém, quem quer que seja, você facilita uma dificuldade que poderia ser sua. E que certamente algum dia será. E esta pessoa a quem prestou serviço – ou até mesmo outra, com o mesmo bom intuito que o seu – irá te estender a mão quando seu dia chegar. E ele vai chegar.
Não conte com a ajuda alheia. Ajude. No dia em que pensarmos todos assim, não haverá mais frustrações. E deixando de lado as utopias, se tivesse a chance de falar ao mundo, diria para que fossem solidários. Porque esta é uma característica que se aplica a todas as áreas da vida, e com ela presente, tudo é possível. Capitalismo. Uma mudança. Um mundo melhor.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s